Relatórios Econômicos

Outubro – 2018

Outubro – 2018

Jair Bolsonaro foi eleito Presidente da República. Os desafios são grandes e a execução no campo das reformas será crucial para o futuro da economia e sustentabilidade de um ambiente mais positivo. Paulo Guedes, indicado como futuro Ministro da Fazenda de Bolsonaro, ressalta propostas liberais, com viés reformista.

A liderança do candidato Jair Bolsonaro, mostrou claramente que o eleitor abandonou os candidatos e partidos tradicionais, que erraram ao não detectar a mudança no perfil do eleitor brasileiro.

Além da candidatura de Jair Bolsonaro, destaque para a renovação nas 2 casas parlamentares e o crescimento do PSL, que deixou de ser nanico para virar o 2ª maior partido na Câmara dos Deputados. PT, PSDB, MDB e DEM tiveram reduções significativas em suas respectivas bancadas.

A taxa de desemprego no Brasil caiu para 11,9% no trimestre encerrado em setembro, mas ainda atinge 12,5 milhões de brasileiros. Foi a sexta queda mensal seguida e trata-se da menor taxa de desemprego registrada no ano.

O mercado de trabalho brasileiro registrou criação líquida de 137.366 vagas com carteira assinada em setembro. Este é o melhor resultado divulgado em 2018 e também o maior número para o mês em cinco anos.

Apesar do otimismo do mercado com o desfecho positivo do processo eleitoral, não podemos colocar de lado o risco crescente com o cenário global, principalmente pelo aumento das taxas de juros americanas e a piora nas relações comerciais entre China e os   EUA,  que   pioram   as   perspectivas  para   as   economias emergentes.

Em relação à taxa SELIC, o COPOM decidiu por unanimidade por manter a taxa SELIC em 6,50% ao ano. A projeção do mercado de voltar a elevar a taxa apenas em 2019, para fechar naquele ano no patamar de 8%.

A bolsa no Brasil mostrou resiliência importante em outubro, com o índice subindo 10,20% e fechando o mês cotado a 87.423 pontos. Assim como os demais ativos de risco brasileiros, as ações também foram beneficiadas candidatura de Jair Bolsonaro.

O IBOVESPA continuou a mostrar força em outubro, com tendência inversa aos demais mercados globais, fruto do resultado do 2º turno.

Enquanto no Brasil a bolsa acumulou valorização superior a 10%, a bolsa americana (S&P -6,94%) e europeia (Euro Stoxx -5,93%) mostraram forte queda, em função das preocupações com a política monetária americana.

As negociações entre o Reino Unido e a Europa a respeito do BREXIT continuam difíceis. Os Europeus aguardam uma nova proposta, mas o espaço de manobra da 1ª ministra Theresa May é limitado devido a divisões dentro do Partido Conservador. O cronograma oficial estipula que as partes deverão chegar a um acordo até o final de outubro para que o BREXIT ocorra na prática em 29 de março.

Os Estados Unidos estão se preparando para anunciar, no início de dezembro, novas tarifas que vão atingir todas as importações chinesas ainda não punidas por sobretaxas, caso as negociações entre os presidentes Donald Trump e Xi Jinping no mês que vem fracassarem.

O PIB do terceiro trimestre de de 2018 apresentou crescimento de 3,5% QoQ, acima da expectativa de 3.3% QoQ.

É importante monitorar a evolução do cenário externo, que pode trazer uma volatilidade adicional aos emergentes:

  • (1) Inflação nos EUA – Acelerando acima da expectativa levaria a uma alta de juros
  • (2) Guerra Comercial EUA e China
  • (3) Crescimento da Europa aquém do esperado pode trazer pressão aos

Os últimos indicadores continuam a mostrar a perda de força na atividade econômica em setembro. O PMI (Caixin)da indústria recuou para 50 pontos, encerrando 15 meses consecutivos de expansão e mostrando a menor leitura do índice desde maio de 2017.

 

 

 

DISCLAIMER
Este documento foi produzido pela Grau Gestão de Ativos Ltda. com o único propósito de divulgar informações e dar transparência à gestão da Grau, não se caracterizando como oferta ou solicitação de investimento ou desinvestimento em fundos de investimento ou qualquer título ou valor mobiliário e não constitui o prospecto previsto na instrução CVM 555 ou no código de Auto – Regulação da ANBIMA. Fundos de investimento ou qualquer título ou valor imobiliário não contam com a garantia do administrador do fundo ou qualquer título ou valor imobiliário, do gestor da carteira, de qualquer mecanismo de seguro ou, ainda, do fundo garantidor de crédito – FGC. Os fundos ou carteiras podem utilizar diversas estratégias como parte integrante de suas políticas de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas podem resultar em significativas perdas patrimoniais para seus cotistas. A rentabilidade obtida no passado não representa garantia de rentabilidade futura. Para a avaliação de performance recomenda-se uma análise de no mínimo 12 (doze) meses. Ao investidor é recomendada a leitura cuidadosa do prospecto e/ou regulamento do fundo ou qualquer título ou valor imobiliário antes de aplicar seus recursos. A Grau Gestão Ltda. não se responsabiliza por decisões de investimento tomadas com base neste material.
Apesar do cuidado utilizado tanto na obtenção quanto no manuseio das informações apresentadas, a Grau não se responsabiliza pela publicação acidental de informações incorretas, nem tampouco por decisões de investimento tomadas com base nas informações contidas neste documento, as quais podem inclusive ser modificadas sem comunicação. Este material é meramente informativo e busca fornecer ao cliente identificado informações genéricas para auxiliá-lo nas tomadas de decisões sobre investimentos. Foi preparado no âmbito das atividades de assessoria de investimentos da Grau Gestão de Ativos Ltda., destinado ao uso exclusivo do cliente identificado e não pode ser copiado, reproduzido ou distribuído a terceiros. As informações são referentes à data indicada e poderá ser atualizada pela Grau Gestão de Ativos Ltda., que se reserva o direito de alterar qualquer informação mencionada neste material a qualquer tempo e sem a necessidade de comunicação ou notificação.
Este material não pode ser copiado, reproduzido ou distribuído sem a expressa concordância da Grau Gestão de Ativos Ltda.

 

Contato

Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 1400 - 2° andar, Conjunto 22
Vila Nova Conceição -São Paulo - SP - 04543-000

contato@graugestao.com.br